Borboletas no estômago

Estou prestes a tocar um projeto pessoal que começou no meio do ano passado, e foi crescendo pouco a pouco. Até agora não havia riscos, ele era apenas um documento inofensivo ali no Google Drive.

61397_4422278829719_512157362_n

Chegou o momento do frio na barriga. Em todo projeto, existe um certo momento mágico em que pisar no freio se torna tão dolorido quanto ir adiante e falhar. É a hora de pisar no acelerador, grudar o carro no chão e tentar conquistar a próxima curva.

Em uma apresentação no 99U, Jad Abumrad, criador do programa de rádio e podcast RadioLab, comenta um pouco sobre o frio na barriga neste momento do processo criativo. Aparentemente, essa era uma sensação comum para o homem das cavernas. Ao perceber um predador, seu corpo desligaria tudo que não fosse essencial naquele momento, e quem precisa de digestão com um dente-de-sabre atrás de você?

A sensação persiste nos dias de hoje. Você provavelmente não corre risco de vida antes de apresentar um projeto. Mas se sente vulnerável, exposto, e ao mesmo tempo com uma energia fantástica.

Estou com borboletas no estômago. O projeto começou a se movimentar bastante nos bastidores, e logo logo ele ganha vida pública, para sua verdadeira prova.

Aguardemos os próximos capítulos.